• Suporte 3
  • Comercial
  • whatsapp2
  • Clinicorp

10 dicas infalíveis para evitar a inadimplência na sua clínica odontológica

Atualizado: há um dia

Inadimplência é igual a cárie: se você não tratar, poderá causar um grande estrago. Para garantir a saúde financeira da sua clínica odontológica, combater a inadimplência é essencial. Por isso, separamos 10 ações que você deve adotar na sua clínica odontológica para evitar o prejuízo financeiro. Confira abaixo:

1- Saiba tudo que você tem para receber


Organização financeira é um ponto muito importante para o funcionamento de uma clínica. Você pode adotar um sistema de contas a receber para acompanhar todos os pagamentos a receber, quais são as datas e o que já está em dia. Por lá também é possível ter um histórico dos clientes e saber quem está mais suscetível à inadimplência.

2- Ofereça vantagens para quem paga em dia

Para quem está efetuando os pagamentos corretamente, alguns benefícios podem ser oferecidos. Faça promoções, dê desconto para quem paga antecipadamente e organize planos de atendimento mais vantajosos. Veja quais são as maiores demandas desses pacientes e trabalhe com um atendimento personalizado.

3- Faça uma análise de crédito (consulta SPC/Serasa)

Com um cadastro atualizado dos pacientes e acesso a serviços como o SPC e Serasa, você pode acompanhar a situação financeira e verificar se os clientes estão com algum problema no mercado. Esses dados podem ajudar a evitar que a inadimplência se repita na sua clínica. Antes de fechar um plano de parcelamento, por exemplo, consulte o nome do cliente no sistema e veja como firmar um contrato seguro para o paciente e a empresa.

4- Estabeleça contratos

Nada melhor do que ter bem estabelecido quais serviços foram contratados e qual será o valor de cada um deles. Hoje em dia, fechar contratos ficou bem mais fácil e prático com o uso das assinaturas eletrônicas. Não deixe de aproveitar a tecnologia ao seu favor e ter tudo registrado.

5- Ofereça diferentes meios de pagamento

Para ajudar o cliente e também a sua clínica, invista em mais de uma forma de pagamento. Boletos, cartões de crédito, parcelamento e cobrança recorrente são algumas das opções que você pode oferecer. Assim você torna os tratamentos mais acessíveis aos pacientes, reduzindo assim a chance de inadimplência.

6- Mantenha os dados dos pacientes atualizados

Conhecer os seus clientes é fundamental, então mantenha os dados dos seus pacientes organizados e atualizados. Assim fica mais fácil saber quando você pode oferecer uma promoção especial a ele, uma forma de pagamento diferenciada ou até um novo serviço.

7- Crie uma Régua de Cobrança

A Régua de Cobrança é um excelente método de combate à inadimplência. Consiste basicamente num conjunto de estratégias para cobrar pacientes, desde lembretes antes do vencimento da cobrança, agradecimento de pagamento e até a negativação no SPC/Serasa no caso de atrasos. Para entender melhor sobre a Régua de Cobrança, assista ao vídeo:


8- Treine sua equipe

Uma equipe capacitada para lidar com essas situações podem tirar a clínica de maus lençóis muitas vezes. A equipe deve saber conversar com os pacientes e compreender quando um cliente está com dificuldades para efetuar os pagamentos. Assim, a clínica pode oferecer alternativas diferenciadas que vão ajudar os dois lados.

9- Se o paciente não pagar...

Primeiro, tente contato de uma forma amigável. Talvez ele tenha esquecido a data ou esteja esperando por algum dinheiro. Tente oferecer planos diferentes de pagamento, com parcelas e valores variados, e também esteja aberto a fazer possíveis renegociações. Caso todas as formas respeitosas de cobrança tenham se esgotado e o cadastro do paciente na clínica esteja completo, com documentos que confirmem a dívida, você pode fazer uma negativação do cliente no SPC/Serasa. Lembre-se de retirar a negativação assim que o paciente pagar a dívida.

10- Conte com a Clinicorp

O sistema Clinicorp oferece ferramentas de automação financeira que lhe darão mais segurança na hora de negociar um tratamento. Na plataforma, é possível realizar consultas do paciente no SPC/Serasa, emitir contratos com assinatura eletrônica, receber pagamentos com cartão de crédito/débito, emitir boletos e criar réguas de cobrança. Em caso de inadimplência, é possível fazer a negativação do paciente no SPC/Serasa diretamente pelo sistema. Assine Clinicorp e experimente grátis por 15 dias.

Gostou desse artigo com as 10 melhores dicas para evitar a inadimplência nos consultórios odontológicos? Ficou com alguma dúvida ou tem algo para acrescentar? É só deixar o seu comentário abaixo. Acompanhe nossas dicas aqui no blog e nos nossos canais:

Entre em contato com a nossa equipe de especialistas para saber mais.

Instagram: @Clinicorp.com

Youtube: Clinicorp






68 visualizações
Clinicorp Serviços Ltda

A solução mais completa para sua clínica odontológica ou estética!

Contato Suporte

Fone: (47) 3085-8337

Atendimento: das 8h às 19h (dias úteis)                           das 08h às 12h (sábados)

Contato Comercial

Atendimento: das 8h às 18h (dias úteis)  

Redes Sociais

instagram.png
facebook.png
youtube.png